Comissão aprova projeto que classifica distrofia muscular genética como deficiência